outubro de 2018 | Edição 712
clique p/ampliar
Os testes de comunicação C- V2X
A Alemanha realizou os primeiros testes de trocas automatizadas de informações no trânsito, para melhorar o tráfego e evitar acidentes nas ruas. No projeto piloto demonstrado, carros, motos, pedestres e elementos da estrada se comunicaram em diferentes situações, visando um trânsito inteligente e sem acidentes, no que pode ser uma amostra do que teremos nas ruas.

Os testes foram conduzidos com carros de diversas marcas, por meio da Associação Automotiva 5G (5GAA), que congrega, além de montadoras, empresas de telecomunicações, infraestrutura e outros segmentos.

Chamada de C-V2X, a tecnologia de comunicação usada funciona por meio de chips instalados nos veículos, que se comunicam em uma frequência entre si, e em outra com a rede utilizada pelos smartphones dos pedestres, nas faixas 4G e 5G.

Neste trabalho, foi feito um teste de comunicação direta entre os veículos para acionar um freio de emergência, entre veículo e pedestre, avisando o motorista da presença de uma pessoa na via e, em outro caso, o carro foi avisado com antecedência de um sinal vermelho no semáforo.

Em testes futuros ao longo deste ano, serão verificados novos cenários de comunicação entre todas as partes. “A intenção é identificar novos casos de uso que ajudem a otimizar o fluxo do trânsito, aumentar a segurança e criar caminho para a direção autônoma”, diz a Qualcomm, fabricante dos chips utilizados nos veículos. No modelo atual, todos os veículos possuem motoristas, que recebem no painel do veículo os alertas emitidos pelos outros dispositivos.

Há também conexões previstas para comunicação em serviços em nuvem, para informar instantaneamente sobre acidentes, condições de clima, vagas de estacionamento e outras situações.