julho de 2019 | Edição 723
clique p/ampliar
Catástrofe Global
A toxicidade do chumbo já era conhecida dois mil anos antes de Cristo, mas só se tornou usado na década de 20 do século passado, quando foi adicionado à gasolina e causou um forte número de mortes através do mundo. Paralelamente, sabíamos que uma nova tecnologia de telefonia estava ligada ao câncer.

Em fins de 2018 e início de 2019, as companhias de telefonia celular começaram a vender torres de células celulares 5G, tremendamente melhores do que as 4G, com velocidades até 100 vezes mais altas.

Mas há um grande problema: os peritos acreditam que podem haver muitos perigos emitidos devido aos EMF, ou campos eletromagnéticos.

O Dr. David Carpenter, diretor do Institute of Health and the Environtment, saúde e ambiente, da Universidade da Albany, diz que “Você não poderá descer de uma calçada sem estar continuamente exposto a níveis elevados de EMFs".

O aparecimento do 5G causa câncer tanto em humanos como em animais, interfere na reprodução humana, provoca síndrome de eletrohipersensitividade, disfunção de cognitividade e fadiga em algumas pessoas, caracterizada por dores de cabeça. Os estudos dos sinais 5G são totalmente inconclusivos. Ninguém sabe o que vai acontecer. As redes já desapareceram em Los Angeles, Sacramento e Houston e outros riscos desconhecidos poderão inclusive ser devastadores para a saúde dos locais.